segunda-feira, 18 de maio de 2015

Retrato de Max


Um dos maiores desafios ao tentar finalizar um retrato é o de justamente não se fiar estritamente nos detalhes com o intuito de adquirir similitude. A grande tendência é começar a imitar aqueles traços fisionômicos mais marcantes do modelo, fazendo com que os aspectos intrínsecos da construção (como a estrutura das grandes massas) comecem a perder a importância. A consequência natural é a perda da força visual em termos de abstração, embora a garantia de êxito seja mais provável.
 
Desenho em pastel preto, branco e cinzas.
 
 
No detalhe, é possível perceber como os planos menores e pequenos toques claros e escuros permitem manter a abordagem abstrata.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguir por Email