sábado, 15 de novembro de 2014

Estudo sobre papel vergê

Nesse estudo sobre papel vergê texturizado, a proposta foi utilizar o tom médio como base para a sobreposição de tons claros (com lápis pastel branco) e escuros (com carvão e lápis carvão). O maior desafio foi controlar o peso das massas e das hachuras com o intuito de manter o valor correto para não perder a sensação de luz.



"John Burroghs", lápis carvão preto, branco sobre papel vergê. 

Detalhe mostrando a importância do cruzamento e da mudança de direção das hachuras, tanto para gerar textura como controlar o valor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguir por Email