segunda-feira, 3 de março de 2014

Aqueles dias...

Há dias em que me arrependo de ter saído de casa, ou melhor, ter ido para o ateliê. Tudo o que toco com o pincel transforma-se num "desastre visual”. Procurando a causa, percebo o excesso de intenção, pressa e pretensão de querer que tudo aconteça como planejado, ansiedade de concretizar descobertas valiosas em torno do processo. Depois de um tempo refletindo, consigo visualizar como perco a sensibilidade e o bom senso. E isso recai, mais uma vez, na lembrança de retomar a humildade: de reverenciar a prática do ofício escolhido pelo compromisso sincero de esquecer-se de si mesmo. Para marcar essa falta de postura e disciplina, resolvi fazer um desenho do mestre Korehira Watanabe (sword maker) para funcionar permanentemente no meu ateliê como uma espécie de lembrete visual.
http://www.youtube.com/watch?v=PSZKGzGqOt0


Pastel preto, branco e cinzas, 2014.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguir por Email